TECNOSHOW 2018:

Painéis abordam rentabilidade e uso de tecnologia no agronegócio

  O estande de TV Anhanguera na 17ª Tecnoshow Comigo, que ocorre entre os dia 9 e 13 de abril em Rio Verde, no sudoeste de Goiás, terá debates sobre o uso de tecnologia no campo e como melhorar a rentabilidade de propriedades rurais. Os painéis envolvem especialistas das áreas e são abertos ao público. Veja datas e horários de cada encontro no fim da reportagem.

  O primeiro debate da programação ocorre no dia 10 de abril, segundo dia do evento, e aborda o uso de tecnologias para otimizar a produção agropecuária. Participam da discussão Guilherme Raucci, engenheiro agrônomo representante da Agrosmart, e Ed Siatti, também engenheiro agrônomo e diretor de vendas da empresa Agrian.

  Os dois trazem informações e exemplos práticos de uso de máquinas e programas avançados que são referência no exterior.

  “Com custos de produção crescendo cada vez mais é importante ter ferramentas que nos deem mais lucro. Entre as opções está uso de agricultura de precisão, drones, imagens de satélites e plataformas que ajudam no planejamento da safra durante o ano. É importante ter os dados corretos para tomar as melhores decisões”, explicou Ed Siatti.

Continuando as discussões, o segundo painel da programação, que ocorre no dia 11 de abril, fala sobre como o próprio agropecuarista pode incentivar e se tornar produtor de tecnologia. Serão abordados os testes de programas pilotos nas propriedades e investimentos em novas empresas do ramo.

  Para participar do debate foram convidados o produtor rural e empresário Cláudio Thiago Ávila Menezes, criador da Industrial Lab, e o diretor de agronegócio e tecnologia na Associação Brasileira de Startups, Maikon Schiessl.

 “Vamos falar sobre como o pequeno, médio e grande proprietário, além de consumidor de tecnologia, pode abrir espaço na propriedade para provas de conceitos de novas ideias e adequando as novidades para solucionar os problemas que precisa. Ele pode usar o lucro para investir em starups voltadas para o agronegócio e até fundos de investimentos no setor”, garantiu o criador da Industrial Lab, Cláudio Thiago Ávila Menezes.

  Já no terceiro dia de debates, 12 de abril, o foco passa para a rentabilidade de pequenas propriedades. A proposta do painel é falar de maneiras alternativas para que o produtor gere receita. Entre elas está o uso de redes de distribuição de alimentos, diminuindo o desperdício e produzindo de maneira sustentável.

  Os exemplos e paralelos de como adotar essas práticas serão abordados pelo engenheiro agrônomo e fundador da empresa Onisafra Macaulay Souza, e o administrador e Diretor de Agronegócio da Câmara de Comércio Brasil-índia de São Paulo, Matheus Borella.

Segundo Macaulay, a proposta é mostrar ao produtor que ele pode chegar ao consumidor final sem muitos intermediários e lucrando mais no processo.

  “Um dos principais problemas do agricultor é o acesso ao mercado. Usamos plataformas para encurtar essas cadeia e aproximá-lo do consumidor final. Também identificamos que é mais vantajoso que ele trabalha com várias culturas, para a renda não depender de um só produto”, afirmou.


Palestras no estande da TV Anhanguera

Agricultura Digital: Tecnologia a favor do seu negócio
Data: terça-feira (10)
Horário: 10h30
Local: Tecnoshow Comigo 2018 - Centro Tecnológico Comigo (CTC) - Rio Verde – GO (Anel Viário Paulo Campos, Km 7, Zona Rural)
Entrada gratuita

Produtores Inovadores
Data: quarta-feira (11)
Horário: 10h30
Local: Tecnoshow Comigo 2018 - Centro Tecnológico Comigo (CTC) - Rio Verde – GO (Anel Viário Paulo Campos, Km 7, Zona Rural)
Entrada gratuita

Conexão sem intermediários
Data:
 quinta-feira (12)
Horário: 10h30
Local: Tecnoshow Comigo 2018 - Centro Tecnológico Comigo (CTC) - Rio Verde – GO (Anel Viário Paulo Campos, Km 7, Zona Rural)
Entrada gratuita

(Fonte: G1)